Ir para o conteúdo


A FUCHS já está pesquisando as solu??es do futuro

Os requisitos técnicos e regulamentares dos lubrificantes, como a legisla??o REACH, est?o se tornando mais rigorosos. Isso levará a uma crescente necessidade de lubrificantes de alto desempenho com a crescente especializa??o e individualiza??o dos produtos.

Novos materiais de alto desempenho, tais como plásticos, materiais revestidos ou titanio e ligas de alumínio que s?o usados nos setores aeroespacial e de engenharia médica requerem fluidos de processamento inovadores com novas propriedades. No campo automotivo, os motores cada vez mais poderosos est?o colocando cargas sempre maiores em transmiss?es e exigências mais altas no óleo usado. Os principais desafios do setor - constru??o leve, economia de combustível e aumento de motores elétricos - requerem fluidos e graxas inovadores.

A urgência de temas socialmente e ambientalmente relevantes, tais como as altera??es climáticas ou a escassez de recursos, exige novas abordagens dentro da cadeia de valor agregado. As palavras-chaves incluem redu??o de CO2 eficiência energética, eficiência de combustível, recursos regenerativos e reciclagem. A FUCHS está enfrentando esses desafios.


A FUCHS desenvolve uma intensa pesquisa junto com numerosos parceiros

O projeto ”Pegasus” do Ministério Federal da Economia e Tecnologia é um projeto de investiga??o conjunto lan?ado em 2009 para aumentar a eficiência energética para os comboios de veículos de passageiros (motor, transmiss?o, rolamentos, etc.). Dez empresas e institutos est?o pesquisando solu??es de materiais e lubrificantes que promovem a economia de consumo de combustível.

O petróleo bruto é um recurso finito. Com base neste contexto, os substitutos s?o também necessários na indústria de lubrificantes. As matérias-primas renováveis incluem óleos à base de vegetais, tais como óleo de colza. As discuss?es sobre a "concorrência alimentar" decorrentes da utiliza??o técnica de óleos vegetais levaram à procura de matérias-primas alternativas que n?o s?o adequadas à produ??o de alimentos ou de forragem. A FUCHS está participando da iniciativa interdisciplinar ”Valor Avan?ado de Biomassa” do Ministério Federal da Educa??o e Pesquisa (BMBF). Este projeto está centrado no desenvolvimento de uma cadeia de recupera??o integrada para a convers?o de algas de terceira gera??o e biomassa à base de levedura. O objetivo aqui é produzir combustíveis para a avia??o, lubrificantes funcionais e novos materiais de constru??o. Os lipídios que est?o contidos em certos tipos de algas podem ser usados para produzir componentes de lubrifica??o de alto nível.

Na iniciativa de pesquisa BMBF ”Pegada de carbono zero”, a reciclagem de fluxos de resíduos ricos em carbono está sendo investigada para a produ??o de biomassa funcional. O projeto visa a gerar materiais reutilizáveis a partir de resíduos. A palavra-chave aqui é resíduos-para-valor. O carbono contido nas águas residuais industriais, lama de esgoto e gás de combust?o deve ser convertido em blocos de constru??o valiosos para a produ??o industrial por meio de microrganismos que utilizam os resíduos como substratos. O foco das atividades de pesquisa da FUCHS reside no campo de óleos e aditivos de base funcional. As moléculas complexas devem ser adquiridas por meio da modifica??o enzimática para uso como fluidos ou aditivos de base.

A alian?a de pesquisa “Proteínas tecnofuncionais” do BMBF está pesquisando as rela??es estrutura-fun??o das proteínas vegetais que n?o s?o adequadas para a produ??o de alimentos e forragem. O projeto dedica-se ao uso de proteínas modificadas como aditivos no ambito da fabrica??o de lubrificantes. As proteínas deste tipo podem ser obtidas a partir de resíduos agrícolas.

A mobilidade elétrica também requer lubrificantes. O aumento do uso de motores elétricos para impulsionar a mobilidade individual e seu futuro desenvolvimento est?o estabelecendo novas exigências em lubrificantes. Ainda que n?o sejam utilizados óleos de motor convencionais, os veículos eléctricos e, em particular, aqueles com altas densidades de potência necessitam ainda de lubrifica??o (para rolamentos e transmiss?es) e de arrefecimento. Portanto, as unidades elétricas nos automóveis exigem novas abordagens, n?o apenas na tentativa de atender a requisitos específicos, mas também para melhorar o sistema geral com novas solu??es. Uma das formas em que o FUCHS aborda estas quest?es está no projeto atual da UE intitulado “Comboio elétrico otimizado por Integra??o (ODIN)”. A Robert BOSCH GmbH é a coordenadora deste projeto e a FUCHS é o parceiro do lubrificante.

Contato
+55 (11) 4707-0510
Horário comercial:

Seg-Sex: 7:30 - 17:00 hrs

骚虎高清影院